Ex-diretoras

1914 - Héléne Bondoc e Mademoiselle Jeanne Negulesco: romenas formadas na École Ménagère do Cantão Suíço de Fribourg. Permaneceram na função durante mais de três anos.

1917 - 1922 - Leora James: norte-americana e ex-diretora de uma escola da Virgínia, EUA. Reformulou o currículo, estabeleceu rotinas acadêmicas e alto padrão disciplinar.

1922 - Allexandra von Schimnielpfeig: alemã, ficou no cargo de diretora da Escola Doméstica por um curto período.

1923 - Edwigs Schüler: nasceu no Brasil e foi educada na Alemanha, país de origem de seus pais. Permaneceu como diretora por um ano.

1924 - Isabel Baird: educadora irlandesa, morou no RN por muitos anos. Faleceu antes de completar um ano como diretora.

1925 - 1926 – Julia Serive: francesa, residia no RN e atuou como Direta da Escola de Comércio para moças antes de assumir a direção da Escola Doméstica. Foi a última diretora estrangeira da ED.

1927 - Professora Maria Emiliana Silva: primeira diretora brasileira da Escola Doméstica.

1930 – 1935 – Santa Guerra: intelectual, participou de um estágio realizado em várias escolas europeias de ensino doméstico, com duração de mais de um ano, na companhia de Alix Ramalho.

1935 – 1944 – Professora Alix Ramalho Pessoa: formada em Serviço Social, participou do estágio realizado em várias escolas europeias de ensino doméstico (junto com Santa Guerra). Dirigiu a Escola durante nove anos.

1944 – Amélia Bezerra Filha: formada em Filosofia, assumiu a direção por um prazo inferior a um ano.

1945 – Noilde Ramalho: em março de 1945, a professora de Educação Física da ED, foi convidada pelo então presidente da Liga de Ensino do RN, Dr. Varela Santiago, a assumir a direção da Escola Doméstica de Natal. Em sua gestão, idealizou e fundou o Complexo Educacional Henrique Castriciano, em 1987. Foi a diretora que permaneceu por mais tempo na função, por 65 anos. Assumiu o cargo até seu falecimento, em dezembro de 2010.

2011 – Margarida Cabral Morgantini: fez parte do Conselho Diretor da Liga de Ensino do RN. Ocupou o cargo de secretária geral da ED por 50 anos. Em janeiro de 2011, com o falecimento da professora Noilde Ramalho, foi convidada a assumir a direção da Escola, permanecendo até julho do mesmo ano, mês em que veio a falecer.

2011 a 2014 – Ângela Guerra: natalense, formada em Pedagogia pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte e mestre em Educação pela PUC/RJ, é neta de Felipe Guerra, ex- presidente da Liga de Ensino, assumiu a vice-presidência da Liga, que era ocupada por seu pai Otto Guerra, após o falecimento. Sobrinha de Santa Guerra, segunda diretora brasileira da Escola Doméstica, Ângela foi convidada a ser diretora da Escola Doméstica para suceder Margarida Cabral, desde julho de 2011 a setembro de 2014.

2014 a 2015 – Zoraide Gomes Accioly: natalense, formada em Pedagogia pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte, foi diretora em exercício de outubro de 2014 a janeiro de 2015.

Atualmente o Complexo tem como diretora Lucilla Ramalho Pessoa de Lima.

Voltar

Redes Sociais

Escola Doméstica Avenida Hermes da Fonseca, 789. Tirol, 59015-001 - (84) 3215-2900

Henrique Castriciano Rua Prefeita Eliane Barros, 2000. Tirol, 59014-540 - (84) 3215-2916